Paulo Rk

Paulo Rk
Contemplação da mente

domingo, 16 de abril de 2017

Parei de agradar todo mundo, não vale a pena!

Dizem que nem Buda e nem Jesus agradou a todos, por que então eu, um simples mortal deveria ter tal incumbência?
À medida que amadureço, aprendo que a maior virtude e o melhor valor de um ser humano é a sinceridade.
E ao mesmo tempo aprendo que nem todo ‘ser humano’ curte a sinceridade, infelizmente vivemos numa sociedade hipócrita onde muitos gostam de ouvir apenas o que eles querem ouvir, falando o que lhe é conveniente para a obtenção de quaisquer vantagens.
De boa!?!?!?
Não suporto gente medíocre, sou do tipo muito critico comigo mesmo, então se estiver fazendo algo de errado, pode falar na minha cara, que eu gosto!
E por gostar de ser sincero com as pessoas, gosto de pessoas sinceras, jamais vou conseguir algo na minha vida adulando alguém, ou num português claro, jamais puxarei o saco de quem quer que seja para obtenção de algum emprego ou sucesso na minha vida.
Na real, na minha vida tem dois tipos de pessoas, os que me odeiam pela sinceridade e os que me amam pela minha própria sinceridade.
Dos amigos que curtem a minha sinceridade, tenho a certeza que posso contar com todos eles para o que der e vir, do contrário é verdadeiro, dos que me odeiam por ser sincero, espero de tudo, menos amizade sincera.
Paulo RK



Nenhum comentário:

Postar um comentário