Paulo Rk

Paulo Rk
Contemplação da mente

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Caguei feio!


A vida, é mesmo muito intrigante, tudo aquilo que tememos , ou fugimos por uma questão de covardia, cedo ou tarde, temos que encara-las.
E como é de praxe, acabamos aprendendo a lição, da pior maneira possível.
Estou me referindo, ao post anterior a esta, cujo título é ,“ainda prefiro os humanos”, onde a minha intenção, era descrever as pessoas que deixam o seu convívio natural, com a sua espécie, para viverem isoladamente, com os seus bichinhos, de estimação, e sobre as suas conseqüências.
Gostaria de salientar, que adoro, e amo a natureza, sempre cresci com algum animal dentro de casa, seja um gatinho, cães, peixinhos dourados , pássaros, e muitas plantas.
Cresci desde cedo, a conviver em harmonia com a natureza, pois segundo a minha cultura, devemos muito respeito a ela.
Desde que comecei a escrever este blog; “Para tudo na vida há uma solução!”, o meu maior medo, era de escrever algo totalmente diferente, aos meus pensamentos.
E por muito tempo, eu lia, e relia tudo aquilo que escrevia, antes de postar, para checar ,se os pensamentos, estavam compatível com a mensagem objetivada.
Para não acontecer, o que acabou acontecendo, objetivar uma mensagem, e transmitir uma outra, totalmente contraria ao que me propus.
Foi catastrófica, cinco pessoas não blogueiras,comentaram esta minha infeliz experiência pessoal, mostrando-se totalmente decepcionadas comigo, pelo conteúdo antiecológico(pouco simpático).
Dando a elas, uma impressão, de que não gosto muito de animais, e aí, eu pensei, se estas pessoas, que falam comigo, pensaram ou tiveram esta impressão, imaginem os meus queridos amigos blogueiros, que só me conhecem pelo que escrevo?
A situação se complica, pois li mais de hum milhão de vezes (literalmente falando), e não consegui ver em que momento, causei esta sensação!
E com este dilema,as questões humanas, me afligem novamente , pois pensei passar uma mensagem, e foi uma completamente oposta, e o pior é, que estou totalmente cego, não consigo enxergar, onde esta a palavra, ou a expressão mal dita ?
Conflitos, e mais conflitos, uma outra reação humana, além daquela de evitar ou tentar driblar as dificuldades pessoais, é a auto confiança exagerada, levado pelos belos, mas verdadeiros comentários(não estou culpando, pois eu adoro os coments), me envaideci(confesso), e baixei a minha guarda.
Deixei de ler várias vezes, confesso que li ,apenas duas vezes, cometi o pecado da vaidade, achando que agora, estaria pronto, e poderia relaxar mais.
O meu ego, deve estar tão gordo, que não consigo enxergar a palavra, que me condena, a expressão que expõem, uma condição pessoal não verdadeira.
Peço perdão, as pessoas que amam os animais, e que fazem um trabalho exemplar ao protege-los, pela minha infeliz postagem, totalmente contraria aos propósitos deste blog(espaço virtual).
Acredito que todos os animais, incluindo nós humanos, somos parte de um plano maior, de um grande projeto de vida, e por isto, todos sem exceção, temos direito ao respeito mútuo.
Se passei esta impressão, gostaria de estar consertando, pois não corresponde a minha realidade.
Muito obrigado por terem lido até o último parágrafo.
Paulo RK SP MINDS NAMASTÊ!

8 comentários:

  1. Bom dia
    Engraçado pq eu só leio minha postagem uma ou duas vezes
    e já posto
    Agora essa foto
    o cara tá comendo e ca...do
    rsrrsrsrssrsr
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá pessoinha do ego gordo e inflado..rsrs (essa foi boa!).

    Bom, eu sou uma dessas pessoas que amam animais e por causa da polemica fui ler o texto anterior, que só agora tive tempo.

    Mas acho que entendo bem os dois lados.E acredito que o problema pra mim foi nessa frase:

    /Como alguém pode afirmar em sua sã consciência, de que prefere viver entre animais do que lidar com pessoas?/

    Explico-me. Hoje ela nao me causa nada, pq ja estou em equilibrio, me reencontrei, mas tbm ja fui uma pessoa que preferi animais a pessoas, e tbm tinha umas atitudes nao muito educadas com outras pessoas, coisas da vida.

    Hoje nao deixei de gostar de animais, mas tbm nao quer dizer que goste so de pessoas e bem provavel que algumas pessoas que comentaram, possam estar passando por essa fase, e quando se depararam com o texto, até a metade sem a abordgem direta ao assunto, e somente a frase que da a impressão, que o normal é vc gostar de gente...

    ;)

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que não há nada de errado em se contradizer. Fazer isso é normal e acontece.
    Parei de me preocupar tanto com o que as pessoas acham das minhas opiniões, porque independente de quais sejam elas, boas ou ruins, sempre vai ter alguém do contra criticando-lhe.

    ResponderExcluir
  4. A função do poeta não é explicar-se. A função do poeta é expressar-se.

    Mario Quintana

    ResponderExcluir
  5. ah, isso é algo para se acostumar. infelizmente muitas vezes falamos X mas lerão Y. porque a compreensão depende muito tb de quem lê, que acrescenta seu próprio universo à tudo que consome.

    mas conhecendo seus posts, o teor deles, não iria te enxergar como alguém que não gosta de animais. eu pelo menos não interpretaria algo assim, não me passaria uma imagem dessas na mente.
    abraços

    ResponderExcluir
  6. Como vc mesmo já abordou anteriormente relacionar com os humanos é tarefa difícil ... não vi seu post com este prisma ... nada de contraditório ... fico a imaginar o q não pensaram de meu coment então ... não vamos misturar alhos com bugalhos ... sou um amante da natureza e apoio toda e qualquer causa em prol ... mas ali a questão era outra ... falávamos da neura de relações entre humanos e animais em detrimento das relações humanas em si ...

    Enfim!!!

    bjão querido

    ;-)

    ResponderExcluir
  7. Ei Paulo,
    Bem eu confesso que adoro uma boa polêmica, a verdade é que o ato de escrever não é tão simples quanto parece, muitas vezes estamos imersos em nossas palavras e pensamentos que acreditamos que o que escrevemos será compreesível a todos, mas muitas vezes não é.
    Sobre a polêmica, vi o que sempre vejo enter os humanos, uns querendo impor suas vontades sobre a dos outros, achando sempre que o que acreditam é a única verdade. Bem essa é minha opinião e que me apedrejem por isso, acho que se a pessoa quer viver somente com animais e se isolar do mundo ela deve ter os seus motivos e se quiser fazer o oposto também. O que me incomoda é que em geral todos acreditam que sua forma de viver é a melhor que pode existir, e não conseguem compreender que outros possam achar diferente, que alguns possam gostar de animais e detestar pessoas, que outros amam o ser humaono e maltratam animais, enfim por isso somos tão complexos.
    Adorei a polêmica e acho que não cometeu nenhuma "cagada", simplesmente mostrou seu ponto de vista. Não tem como agradar a todos.

    beijos.

    ResponderExcluir
  8. Bom, acho que não vi nada demais no post passado...
    Mas para mim é assim: todo mundo merece seu espaço. Homens e bichos. Mas admito que nem todo bicho me agrada (baratas e ratos, por exemplo?) assim como certos tipos de pessoas também não. Mas mesmo assim temos de conviver, né?
    Mas admito que muitas vezes prefiro buscar o amor de animais. Eles são bem mais sinceros na hora de fazer companhia, em minha opinião. Sem diminuir meus amigos, claro!

    ResponderExcluir